Jazz

Bares e restaurantes para curtir o estilo musical

Por Milena Coppi

Uma das marcas registradas do Rio é sua diversidade cultural. Na cidade, é possível encontrar locais que oferecem todo tipo estilo de música: desde o axé, até o samba, o funk, a bossa nova e também gêneros internacionais, como o jazz. No Top5 da semana, selecionamos cinco bares e restaurantes que têm a noite do jazz em suas programações musicais. E, ao fim, ainda damos uma roubadinha, incluindo um extra que vale a pena conhecer. 

Medusa Urbana Vinhobar

Klacius Ank

O vinhobar, em Laranjeiras, oferece shows ao vivo de samba-jazz às quartas-feiras. A partir das 19h30, o trio de músicos Marcelo Figueiredo (guitarra), Magno Souza (baixo) e Lucas Fixel (bateria), acompanham a cantora Juliane Gamboa, em um repertório eclético que vai dos maiores clássicos da música brasileira e internacional, como Djavan, Chico Buarque e Baden Powell, até artistas da nova cena, como Luedji Luna e Céu. As reservas devem ser feitas com antecedência pelo Meduzap (21) 97903-9385.

Jappa da Quitanda

Divulgação

No Jappa da Quitanda, em Ipanema o Quartetinho se apresenta às quartas-feiras, das 18h às 22h. Em uma das esquinas mais badalada do bairro, o grupo instrumental formado por saxofone, clarinete, contrabaixo, guitarra e bateria apresenta um repertório que vai de Coltrane à Cartola. Eles fazem releituras do jazz ao samba, passando pela MPB e baião.

Gusto Cucina Bar

O Sala Gusto Jazz Trio com Guga Pellicciotti acontece todas às terças-feiras, a partir das 19h, no Gusto Cucina Bar, no Leblon. Sem cobrança de couvert.


  • Site: https://www.instagram.com/gustocucinabar/
  • Endereço : Rua Dias Ferreira, 78, Leblon
  • Telefone : (21) 2512-6526
  • Horário: Dom 13:00 às 23:00, Ter 17:30 às 00:00, Qua 17:30 às 00:00, Qui 17:30 às 00:00, Sex 12:30 às 01:00, Sab 13:00 às 01:00

Gurumê

O Gurumê do Fashion Mall oferece, sempre às terças-feiras, happy hour ao som de jazz ao vivo e seleção de drinks exclusivos a preço promocional. Neste dia da semana, a partir das 18h, um dueto de sax e teclado embala o clima com excelente trilha sonora que encanta os fãs de jazz. Enquanto o som rola solto, os clientes brindam com drinques criados especialmente para happy hour, servidos a preço especial entre 16h e 19h.


  • Endereço : Estrada da Gávea, 899, São Conrado
  • Telefone : (21) 3324-4290
  • Horário: Dom 12:00 às 22:00, Seg 12:00 às 23:00, Ter 12:00 às 23:00, Qua 12:00 às 23:00, Qui 12:00 às 23:00, Sex 12:00 às 00:00, Sab 12:00 às 00:00

Coisa de Carioca

O quiosque Coisa de Carioca apresenta todas às segundas-feiras, o "Jazz na Segunda". O novo projeto cultural fica em cartaz até o fim de junho. Para acompanhar dose dupla de drinques com gin. Couvert artístico opcional: R$ 11.


EXTRA: Dolores Club

A Lapa acaba de ganhar uma nova casa de música. Dedicada à Bossa Nova, ao jazz e à MPB, o Dolores Club abriu as portas no dia 5 de maio, na Rua do Lavradio. Inicialmente, a casa funcionará apenas às quintas-feiras. O espaço presta uma grande homenagem às mulheres, em especial artistas que marcaram diferentes épocas. Por isso, o nome feminino que batiza o local. Dolores é uma referência à cantora Dolores Duran, mas também à tia de Plínio Fróes, empresário à frente do estabelecimento.

O Dolores Club é um anexo do Rio Scenarium, também de propriedade do Grupo Scenarium, mas com entrada individual. O salão, onde décadas atrás funcionou a gafieira Humaitá Atlético Clube, foi reformado em 2002 e guarda a aura de outra grande artista brasileira, a cantora Emilinha Borba, que se apresentou no local.

No Dolores Club, a gastronomia também acompanha o clima da era de ouro do jazz. O cardápio inclui quatro pratos típicos das culinárias Creoula e Cajun, servidas em New Orleans, nos Estados Unidos, cidade onde o jazz nasceu. Mas todos foram adaptados aos costumes e ao paladar dos brasileiros.

Com 450m² e capacidade para 120 pessoas, o Dolores Club funcionará a partir das 19h. Os shows começam às 21h. Quem quiser, poderá esticar a noite no Rio Scenarium, por meio de um acesso interno. O ingresso custa R$ 30, pelo Lets.Events. Na bilheteria, R$ 50. Lista amiga, R$ 25.